segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Jacques Barzun, 1907-2012


Por um acaso, descobri hoje que Jacques Barzun morreu no final de outubro, aos 104 anos. Autor de várias obras, entre elas um livro de mais de 800 páginas - Da Alvorada à Decadência. Escreveu-o aos 92 anos (segundo ele, devido à sua crônica insônia). A ideia, basicamente, de que a civilização ocidental está em franca decadência, rendeu bastante polêmica. 

Ele já havia criticado, por exemplo, o currículo universitário americano, como um "bazar", dada a miscelânea de estudos. Era considerado um renascentista; lia e escrevia sobre assuntos variados como baseball e Byron - atacava o que chamava de "gangrena da especialização". Para muitos, era descendente direto de Macaulay e Gibbon.

Que eu saiba, o livro está esgotado no Brasil. Estou à sua procura.

Um comentário:

  1. Li a trapizonga desde a alvorada ate a decadencia. Algo confuso, excelentes ideias mas talvez pouco arrumadas. E.

    ResponderExcluir