sábado, 3 de novembro de 2012

Conto da semana, de Tania Malyarchuk


Zoran Zivkovic

O conto da semana vem do site World Literature Today. É da escritora ucraniana Tania Malyarchuk (1983) - O Demônio da Fome.

A narradora vive ouvindo as histórias contadas por sua avó, com quem tem uma relação não muito comum. A avó passou fome; na verdade, estava sempre com fome, não amava ninguém, nem mesmo a neta. 

As histórias de sua avó tinham um efeito estranho sobre a narradora que, como a autora, tem hoje 30 anos: impedia que ela vivesse as suas próprias. Ela via o mundo pelas histórias que ouvia, e logo percebeu a necessidade de se livrar dessa influência. Para a avó, que não acreditava em alma ou espírito, sua imortalidade estava garantida com as histórias que contava para a neta. Se Sherazade contava as histórias para escapar da morte, a avó contava-as para se tornar imortal, mas sabendo que isso acabaria com a vida da neta...

Ela fugiu da avó, mas não de sua influência. Ela continua sem ter as suas próprias histórias. Escapou tarde demais, reconhece. As histórias que conta para todos não são as suas, mas as que ouviu por toda a vida. Conta-as de forma não intencional; algo a move para isso, mas ela não sabe exatamente a razão. Por isso, ela implora: Ouça-me! Preste atenção em mim! E começa então a contar uma história... adivinhe quem é o seu personagem?

Nenhum comentário:

Postar um comentário