sábado, 19 de novembro de 2011

Um Fausto sem Sorte


De Orlando van Bredan (Argentina, 1952) e traduzido por mim mesmo...

Fausto Salinas, como o Fausto eterno, decidiu pactuar com o diabo.

- Entrego-te minha alma – propôs – em troca de que todas as mulheres queiram me ter em seus braços.

- Isso é tudo? – perguntou Lúcifer.

- Isso é tudo – confirmou Fausto Salinas, antes, pouco antes do Rei das Trevas o transformar em um bebê, um belíssimo bebê de sorriso irresistível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário