quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Sérgio Augusto


A turma da New Yorker é indispensável. Idem, a maioria dos colaboradores da New York Review of Books. Assino uma porção de publicações, a maioria online, atualmente, de modo que seria fastidioso listar quem sigo, já segui e deixei de seguir. Já li com assiduidade Paul Krugman, mas economia não é minha praia. Da prata da casa, Elio Gaspari, Janio de Freitas, Renato Janine Ribeiro, Milton Hatoum, Fernando Calazans e Lúcia Guimarães são os primeiros nomes que me ocorrem, e desde já peço desculpas aos que mereciam ter sido lembrados mas não foram - vistam a carapuça da vaidade.

Uma bela entrevista com Sérgio Augusto, que pode ser lida aqui.

Parabéns ao jornal Cândido, da Biblioteca Pública do Paraná.




Um comentário:

  1. Paulo Francis, Daniel Piza. Sobrou o Sergio Augusto. E depois, haverá vida inteligente? E.

    ResponderExcluir